jump to navigation

O “Estado de Direito” da Chevron 06/01/2012

Posted by Afauna Natal in Meio Ambiente Urbano.
trackback

Fonte: Tijolaço.com.

Fui atrás da dica dos leitores Victor e Paulo para ler a matéria sobre a ratificação da condenação feita pela Justiça equatoriana à Chevron, por danos ambientais, no valor de US$ 9,5 bilhões.

A luta judicial dos moradores da área afetada, na província de Sucumbios, durou 17 anos.

Mas aí descobre-se que a Chevron não apenas recusa a sentença como diz que  ela  “é mais um exemplo da politização e corrupção do sistema judicial do Equador que toldou este caso fraudulento desde o início”. E que, naquele país “não se respeita o Estado de Direito”.

A petroleira conseguiu na corte de Haia a suspensão da execução da sentença e diz que os juízes foram corrompidos, intimidados, que se fabricou perícias e está processando os moradores da região num tribunal…dos Estados Unidos, mais exatamente na Corte do Distrito Sul de Nova York.

É o caso de perguntar se as imagens ao lado são a ideia que a Chevron tem de “Estado de Direito”…

Por essas e por outras, é que as desculpas da Chevron sobre o vazamento do campo de Frade, em novembro, valem tanto quanto uma nota de três dólares.

Aliás, se não é perdir demais, poderia a ANP explicar o que significa o “não cumprimento das premissas do Plano de Desenvolvimento” da petroleira no poço que originou o vazamento? Esta informação não é pública? Qual é a razão de não ser divulgada? Já nem se trata de esperar que a nossa imprensa – neste caso – de press-releases se interesse em perguntar.

É dever do administrador público.

Anúncios

Comentários»

No comments yet — be the first.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: