jump to navigation

Ações do RN em defesa do Bioma Caatinga serão levadas a Rio+20 16/02/2012

Posted by Afauna Natal in Meio Ambiente Urbano, Rio+20.
trackback

Fonte: Redação do DIARIODENATAL.COM.BR, com informações da SEMARH.

Mais da metade da população potiguar vive na região semiárida, em que predomina o bioma caatinga. A importância da convivência sustentável nesta área é o que está sendo discutido na pré-conferência chamada Oficina Bioma Caatinga, que ocorre durante o dia de hoje (15), no auditório do CTGás em Natal. Na abertura do evento, o secretário de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), Gilberto Jales, lembrou a necessidade de ações técnicas na preservação sustentável com foco no ser humano.

Os municípios do Estado localizados na região semiárida totalizam 92% do território do RN com 56% da sua população. Os dados foram apresentados pelo coordenador do Programa de Ação Estadual de Combate a Desertificação e Mitigação dos Efeitos da Seca do Rio Grande do Norte (PAE), Josivan Cardoso Moreno, em sua apresentação para o público presente ao evento.

Entre os objetivos do programa estadual estão a redução da pobreza, redução dos impactos ambientais, promoção do desenvolvimento pautado na sustentabilidade socioambiental e potencialização da participação social na gestão e implementação do PAE.

Estas discussões estão ocorrendo nos Estados com ocorrência do bioma Caatinga. Na programação do Rio Grande do Norte ocorrem palestras sobre o Bioma Caatinga Potiguar, Plano de Combate a Desertificação do RN e políticas públicas para a Caatinga. Também ocorrem oficinas com temáticas como energias renováveis, o manejo sustentável da caatinga, a recuperação das áreas degradadas e bacias hidrográficas.

A secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), a Procuradoria Geral do Estado, Assembleia Legislativa, o Instituto Nordeste XXI e o Banco do Nordeste assinaram protocolo com o objetivo de unir esforços para garantir a participação do RN na I Conferência Regional de Desenvolvimento Sustentável do Bioma Caatinga – a Caatinga na RIO+20 que ocorrerá em Fortaleza em maio. O documento caatinga potiguar, fruto das discussões de hoje no CTGás, norteará a participação do Rio Grande do Norte na Conferência Regional. O documento final dos Estados será levado à Conferência da Rio+20 em junho.

Na mesa de abertura do evento estiveram presentes o procurador Geral do Estado, Miguel Josino Neto, o coordenador da Oficina Bioma Caatinga e gerente executivo do Banco do Nordeste do Brasil (BNB), Marco Antônio Araújo, a representante do Instituto Nordeste XXI, Maria Aparecida Lima, a diretora executiva do CTGás, Cândida Amália de Lima, o deputado estadual cearense Dedé Teixeira que representou a Assembleia Legislativa do Ceará e o deputado estadual Fernando Mineiro que representou a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte.

Anúncios

Comentários»

No comments yet — be the first.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: